quarta-feira, 12 de março de 2008

Quadras populares



Eu sou devedor à terra,
a terra me está devendo.
A terra paga-me em vida,
eu pago à terra em morrendo.
<><><><>
Não me inveja de quem tem
carros, parelhas e montes.
Só me inveja de quem bebe
a àgua em todas as fontes.
<><><><>
Sobe o rei no alto trono,
Desce o pastor ao val’ fundo;
Uns p’ra baixo, outros p’ra cima
Vai-se assim movendo o mundo."

4 comentários:

Ivone disse...

Olá Etelvina!
Obrigado! Igualmente para ti também!

Tenho andado um pouco afastada dos bordados, mas quero recuperar o tempo perdido....e recomeçar em grande, vou dando novidades.
Bjs

Vanessa Guerra disse...

ai que poema lindo... gostei imenso.. beijinhos

Vanessa Guerra disse...

tenho uma nova caixinha em decoupage no meu blog.. diz de 0 a 10 que nota lhe davas.. beijinhos

Vanessa Guerra disse...

bom fim-de-semana amiga.. beijinhos muito grandes